Terceirização de Marketing: o que você precisa saber para se decidir

 Em Conteúdo, Conversão, Estratégia, Inbound Marketing, Marketing, Marketing Digital, Midias Pagas, Tráfego, Vendas

Uma das discussões mais presentes no universo corporativo atual aborda o outsourcing. Estratégias de terceirização de serviços e ferramentas de trabalho são adotadas por empresas que visam otimizar e redirecionar seus gastos, ou seja, investir menos com aquisições de produtos e serviços, delegando a demanda para empresas especializadas.

O outsourcing se apresenta como solução viável para inúmeros setores e demandas empresariais, desde a equipe de limpeza até o marketing.

Por falar em marketing, a opção pela terceirização costuma gerar bastante dúvida. Enquanto alguns gestores acreditam que é necessária a existência de uma equipe interna, outros crêem na eficácia da contratação terceirizada.

Mais importante do que a forma como está estruturado, é relevante que haja em um setor de marketing:

  1. Alinhamento com a posição empresarial no mercado;
  2. Capacidade de alinhamento de processos;
  3. Capacidade de auxiliar outros setores da empresa, como vendas e comunicação institucional;
  4. Eficácia na construção de campanhas e na captação de leads.

Diante dessa mentalidade, uma empresa pode optar por terceirizar todo o serviço de marketing ou apenas parte das demandas.

E o que sua empresa pensa sobre o outsourcing no departamento de marketing? Quer saber um pouco mais sobre alguns processos de terceirização e seus impactos?

Então confira os próximos tópicos do nosso post!

Terceirização no marketing: pontos positivos

A opção pelo outsourcing de marketing é bastante natural para algumas instituições. Dentre os principais motivos para tomar esse caminho estão a vontade de não ampliar a equipe interna e a opção por manter as demandas na mão de um time especializado.

Vamos às 4 das principais vantagens apontadas por especialistas em outsourcing:

Economia de tempo para gestores e colaboradores

Em empresas que possuem uma pequena equipe, é normal encontrar as pessoas se desdobrando em mais de uma frente de atuação para dar conta das demandas exigidas por um setor de marketing.

Terceirizar a comunicação institucional e o marketing é uma forma de conceder mais tempo para os funcionários e retirar mais uma preocupação dos gestores. Em vez de desenhar fluxos de atuação, processos e formas de atendimento, os tomadores de decisão terão apenas que aprovar as propostas feitas pela empresa de marketing.

Qualidade de serviço

Empresas que se posicionam no mercado como solução para o marketing das organizações precisam, de fato, estarem preparadas para dar conta do recado. Um marketing bem feito exige competência, conhecimento sobre a área e atualização constante de conteúdos, algo que se torna uma obrigação de quem vende esse serviço.

A empresa que opta pelo outsourcing deve ter isso em mente: é preciso procurar empresas capazes de assegurar a qualidade do serviço.

Redução de custos

Para algumas empresas que fazem apenas demandas mais pontuais de marketing ou que ainda estão se estruturando financeiramente e precisam ser estratégicas em seus gastos, o outsourcing se prova uma boa solução.

Trabalhos pontuais ou de menor complexidade podem custar menos que a contratação de um profissional para executá-los internamente. Neste ponto, a lógica segue a mesma de tantos outros serviços terceirizados em empresas.

Aporte de novas técnicas e conhecimentos

Como dissemos, a equipe terceirizada de marketing precisa ser completa, antenada e ter apreço pela inovação. Contratar um time terceirizado e bem atualizado pode ser uma ótima oportunidade para trocar conhecimentos, enriquecer suas noções sobre o marketing digital e adquirir novas perspectivas de atuação.

Existem outras vantagens no processo de terceirização na equipe de marketing, no entanto, elas variam sensivelmente de acordo com a realidade da empresa contratante.

Em termos gerais, é possível dizer que o outsourcing de marketing reduz a preocupação interna com esses processos, abre a oportunidade de otimização de gastos e coloca as demandas do setor nas mãos de pessoas qualificadas.

Terceirização no marketing: pontos negativos

Vamos conhecer agora algumas desvantagens da terceirização do marketing. Assim como tudo na vida, sempre há um lado negativo de executar um outsourcing, independe da área.

Cabe ao gestor analisar francamente cada um dos pontos e decidir qual modelo apresenta mais vantagens para sua estratégia. Confira!

Redução de controle

Alguns gestores são muito controladores e gostam de estar por dentro de todos os processos e setores da empresa que comandam. Esse tipo de atitude é reprovada por muitos especialistas, porém, ainda muito praticada nas instituições. O controle total gera certas dificuldades ao gestor em relação à compreensão dos limites de atuação de cada um e das diferentes perspectivas.

Se você gosta de controlar as demandas com mais afinco, a terceirização na equipe de marketing será um problema. Afinal, mesmo que sua empresa seja um cliente da agência, alguns processos não ficarão sob seu comando e certos processos (como alteração de peças) podem ser limitados por contrato.

Falta de comunicação e entrosamento

Nem sempre fornecedor e cliente dão certo na primeira tentativa. Algumas empresas podem levar um tempo até encontrar uma agência de marketing que trabalhe de maneira alinhada com sua filosofia.

Isso é um problema que pode surgir tanto pela falta de preparo da agência como pela incapacidade da empresa de manter o fluxo de outsourcing funcionando.

Entendimento do negócio

Empresas que operam em um mercado complexo ou que possuem produtos e filosofias mais “complicadas de se explicar para alguém que não é do ramo” podem sofrer com o outsourcing.

Até que haja um bom entrosamento entre fornecedor e cliente, muito tempo (e dinheiro) pode ser desperdiçado.

Existe uma solução intermediária?

Se você é do time que foge do 8 ou 80, talvez, a melhor solução para sua empresa seja a adoção de um modelo misto de operações de marketing.

Nesse formato, apenas algumas demandas são terceirizadas para agências ou empresas especializadas, porém, o comando das atividades fica por conta de um colaborador interno.

Esse modelo pode muito bem resolver o impasse gerado por alguns dos pontos negativos da terceirização da equipe de marketing, como a perda do controle a respeito dos processos e a falta de conhecimento sobre o negócio.

Terceirizar a equipe de marketing é, sem dúvidas, uma atitude inteligente para empresas que pretendem focar no seu core business e, ao mesmo tempo, garantir uma boa estrutura de comunicação e publicidade.

Veja algumas das atividades que podem ser parcialmente terceirizadas em um modelo misto de estruturação do marketing!

Redação de conteúdos

Produzir bons conteúdos escritos, seja para uma estratégia de inbound marketing ou para alimentar um website, é sempre fundamental para quem quer ser visto digitalmente.

Os redatores com experiência em marketing digital são as peças que você precisa e as agências podem ser a solução para encontrar os melhores!

Design

O Design envolve desde a criação de uma identidade visual para a empresa até a análise de fatores importantes como a navegabilidade em um site e a disposição das informações nas páginas.

Todos os trabalhos que envolvem produção de artes demandam tempo e boa experiência profissional. A terceirização das produções de design é a solução para as empresas que preferem ter colaboradores de marketing com viés mais estratégico ou analítico.

Gestão de Redes Sociais

O outsourcing de social media tem um importante valor para a empresa: economia de tempo e regularidade. Um social media bem feito demanda estratégia, cronograma, conteúdo frequente, administração da rede e comunicação com pessoas. Tudo isso leva tempo e dá bastante trabalho, por isso, muitas empresas terceirizam este serviço.

Estratégia

Até o desenho de uma estratégia de marketing pode ser delegado aos especialistas da área. Uma instituição pode buscar uma agência para que ela trace sua estratégia e os processos de marketing, que podem ser executados por pessoas internas ou por outros parceiros.

Publicidade digital e SEO

O trabalho com links patrocinados, anúncios em redes sociais, ranqueamento nos sites de pesquisa também são algumas das demandas que podem ser terceirizadas por uma empresa, dada a complexidade do tema e sua execução minuciosa.

—-

Não existe um veredito sobre a melhor opção de estrutura de marketing para as empresas. Cada organização possui suas particularidades, sendo que a mesma solução pode ter impactos diferentes para instituições distintas.

Quando a empresa toma decisão sobre terceirização de equipe de marketing, é preciso que haja uma análise interna, uma reflexão sobre a atual conjuntura da área e quais são as diretrizes que a empresa pretender dar ao departamento e suas atividades.

Lembre-se de que não há a necessidade de adotar um modelo restritivo ou apenas um ideal. Mas é sempre bom lembrar que o mercado possui profissionais e empresas bastante capacitadas e prontas para atender às demandas da sua instituição, trazendo novos conceitos e agregando valor aos seus processos.

INSCREVA-SE PARA RECEBER NOSSOS CONTEÚDOS EXCLUSIVOS

  • Este campo é para fins de validação e não deve ser alterado.
VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DESSES:
Agências Parceiras da SharpMarketing para Clínicas Médicas