De médico a empreendedor: dicas para construir um negócio de sucesso

 Em Conteúdo, Conversão, Estratégia, Inbound Marketing, Marketing, Marketing Digital, Midias Pagas, Tráfego, Vendas

O empreendedorismo tomou conta do mundo! Do empreendedor de serviços básicos ao negócio médico específico, o modo do it yourself vem apresentando uma possibilidade rentável de sucesso a profissionais de diversas áreas e segmentos.

Talvez uma das áreas que mais se beneficia desse novo modelo de negócios e que se destaca cada vez mais é o setor da saúde. Há tempos esse segmento deixou ser puramente técnico, maçante e associativo apenas com o tratamento de doenças ou outros males.

Uma nova era chegou, os pacientes mudaram, os estilos de vida foram revistos e agora a medicina é uma área procurada tanto para prevenção de doenças e construção de saúde a longo prazo quanto para remediação desses problemas.

É possível achar rentabilidade e se adequar ao mercado e ao novo comportamento do paciente, utilizando a medicina como um empreendimento de sucesso para médicos que pensam fora da curva e reestruturam suas carreiras.

Um negócio médico de sucesso é um empreendimento e precisa ser visto como tal

Por se tratar de uma área tão delicada e essencial na nossa sociedade, muitas clínicas pecam na hora de criar seus processos de negócios e entender as exigências especiais que qualquer empresa tem.

Claro que, como médico, você tem total conhecimento da sua área e sabe desenvolver um ótimo trabalho no seu segmento, mas será que esse conhecimento se expande na hora de montar seu negócio?  

Vamos enumerar os 5 pilares que você precisa olhar cuidadosamente na hora de tomar as suas decisões em relação a abertura da clínica e ao seu negócio médico. Confira!

1 – A escolha do lugar é extremamente importante

Uma boa clínica é a junção de bons serviços, bom atendimento e localização. Antes de qualquer um dos dois primeiros itens, precisaremos falar sobre a localização.

Você pode ser o melhor especialista da área e ter diversos pacientes espalhados pela cidade, mas podemos garantir que a escolha de uma localização adequada fideliza ainda mais seus pacientes, além de gerar outros novos.

Com o avanço rápido da internet, se tornou comum a escolha dos médicos por localização. Por mais que o melhor critério não seja esse, é o que mercado e o novo estilo de vida (rápido, ágil e “para ontem”) dos pacientes procuram.

Se a sua clínica estiver em uma localização fora de eixos de transportes públicos, principais rodovias ou bairros com um bom movimento, é capaz das suas visitas demorarem para engrenar.

Por isso é importante escolher uma localização que condiga com o seu público. Inclusive, entrando no tópico sobre público, vamos ao segundo item.

2 – Entenda o seu público antes de escolher sua área de atuação

Supondo que você seja um cardiologista de renome na sua cidade. Você tem diversos públicos que podem ser explorados (atletas, idosos, pacientes com pré-disposições cardíacas, etc).

Antes de apresentar a sua clínica como especialista em um serviço específico, é essencial entender o seu público.

É bem possível que você já tenha uma especialidade e que queira se manter nela, mas olhando o processo de negócios como um todo (e sempre buscando a sua rentabilidade) você recusaria pacientes de convênios médicos, por exemplo?

Provavelmente não. Então essa particularidade precisa estar alinhada com o público que pode aparecer na sua clínica.

Entender sobre a sua localização e os dados demográficos das pessoas que residem e transitam por ali também pode ajudar nesse aspecto.

Trata-se de criar um negócio para um público que já é demandante pela sua especialidade. Tudo que você precisará fazer é estudá-lo e oferecer os seus serviços da forma correta.

3 – Pesquisa meticulosa sobre concorrência

Outro ponto que não pode ser ignorado é a concorrência a sua volta. Entender como outras clínicas se portam é essencial para desenvolver um bom trabalho e criar uma proposta de valor única.

Vamos supor que você seja um nutrólogo especialista em atletas de alta performance. Será que a sua metodologia e as técnicas que você utiliza em suas consultas são inovadoras? Você pensa fora da curva? Você propõe coisas novas aos seus pacientes?

O problema é que o seu concorrente ao lado pode ter metodologias inovadoras que demonstram resultados. A longo prazo, isso pode ir minando os seus clientes e potenciais oportunidades de negócio.

Por isso a ideia aqui é sempre pesquisar constantemente sobre a sua concorrência. Isso engloba desde o momento em que você desenvolve um benchmarking para criar um novo negócio, até quando você já atende e precisa ser inovador.

Tenha sempre em mente que a pesquisa de seus concorrentes nunca será algo feito isoladamente, e precisa constantemente ser trabalhada para gerar frutos para a sua clínica.

4 – O trâmite operacional e legislativo da sua clínica

Empreender com um negócio médico exige cuidados operacionais mais detalhados do que um empreendimento de agência publicitária, por exemplo. Por motivos óbvios, a sua profissão tem particularidades que não podem ser ignoradas na hora de abrir uma clínica.

É necessário ter o aval completo da ANVISA (Agência Nacional da Vigilância Sanitária) com todos os requerimentos aprovados. Esse é o primeiro passo para a regulamentação e o começo do seu negócio médico.

Inclusive, existe uma regulamentação exclusiva para clínicas médicas, a resolução 50.

Além da ANVISA, você precisará da aprovação de outros órgãos específicos, como:

  • Prefeitura da sua cidade (e cada uma tem leis específicas quanto a projetos médicos);
  • Vigilância Sanitária;
  • Corpo de Bombeiros.

Todo esse processo é complexo e exigirá um estudo profundo da documentação necessária e o levantamento da mesma.

Mas não desanime, depois que essa fase passar a sua clínica estará próxima a ser aberta, e você já poderá olhar para aspectos mais gerais, como a sua comunicação e marketing.

5 – Como você se comunica importa para o seu público

Como já dito no começo do texto, o comportamento do consumidor mudou. Ele procura a solução para todos os seus problemas na internet e os médicos também são escolhidos por lá.

Por isso, ter uma comunicação forte, que agregue valor e defenda a sua marca, cria intimidade com o paciente antes mesmo dele entrar na sua clínica.

Se tratando de um negócio médico é importante deixar claro os seus valores, sua especialidade e investir em uma comunicação que seja de acordo com o tipo de médico que você é. Esses detalhes fazem toda a diferença.

O seu negócio médico está a um passo de você

Através da internet, é possível encontrar todas as informações necessárias para abrir uma clínica médica de sucesso.

Tudo que você precisa fazer é dar o primeiro passo. Crie um negócio que tenha a sua cara, que rentabilize a sua especialidade e que valorize a equipe que trabalha com você.

Com certeza o sucesso de um bom negócio médico está nos detalhes. E seguindo certas dicas, encontrará pela internet pacientes que serão fiéis a sua clínica por anos. Até o próximo post!

A Future Marketing é uma agência recomendada pela Resultados Digitais. Veja aqui nossos serviços de Inbound Marketing com a aprovação da RD amada pelos CEOs e entre em contato para saber o que mais se encaixa para você.

INSCREVA-SE PARA RECEBER NOSSOS CONTEÚDOS EXCLUSIVOS

  • Este campo é para fins de validação e não deve ser alterado.
VOCÊ TAMBÉM VAI GOSTAR DESSES:
Papo com especialista