Plano de marketing de saúde
O que é um plano

de marketing de saúde?

  • Tempo de Leitura: 8 minutos

“Método como os recursos serão utilizados para atingir um objetivo”. Segundo o dicionário, esta é a definição da palavra estratégia. Quem trabalha como gestor de empresas sabe que essa palavra é fundamental para qualquer demanda, desde as mais simples até aquelas que envolvem ações mais técnicas. 

Estratégia é sinônimo de organização e planejamento, sendo palavra de ordem no vocabulário de qualquer empresa que pretende obter sucesso em seu mercado e fidelizar seus clientes.

Em termos de marketing, nada se concretiza com sucesso sem que haja a criação de um bom plano estratégico. O plano de marketing é o alicerce de qualquer atividade de comunicação e atendimento. Isso também pode ser aplicado para as empresas que atuam no setor da saúde, desde clínicas médicas até indústrias farmacêuticas.

Um plano de marketing de saúde não é apenas uma lista com  ações que podem ser aplicadas para uma clínica. Ele é, na verdade, um guia detalhado que orienta todas as ações e cria conexões entre as demandas, tornando o trabalho de marketing holístico e integrado. 

No texto de hoje, você aprenderá mais sobre o plano de marketing de saúde e como estruturá-lo para a sua empresa. Confira!

A definição de um plano de marketing para a área da saúde

Como dito nos parágrafos anteriores, uma grande lista de atividades de marketing não é um plano estratégico. Ela é apenas um amontoado de atividades que podem ser desenvolvidas aleatoriamente e surtir algum efeito.

A finalidade do plano estratégico de marketing de saúde é desenvolver processos, unindo ações diferentes em torno de um objetivo. É construir uma teia lógica, na qual as atividades se complementam e colaboram para objetivos, como:

  • Expansão do conhecimento de marca;
  • Captação de clientes e interessados;
  • Retenção e fidelização de consumidores.

A concepção do plano de marketing de saúde também auxilia no alinhamento entre as ideias propostas pelos especialistas da área e a expectativa dos gestores. Ao analisar o plano, os responsáveis pela empresa podem verificar como serão feitas as ações de comunicação, publicidade e atendimento e qual a finalidade de cada uma delas.

Esta etapa é bem importante para evitar desencontros entre as expectativas dos gestores e as ideias elaboradas pelos profissionais de marketing. Isso promove um trabalho mais fluido e totalmente adequado às necessidades da empresa.

Geralmente, os planos de marketing não possuem longa duração. Algumas empresas planejam as ações anualmente, porém, este é considerado o intervalo máximo para a concepção de um novo plano. 

Os planos de marketing de saúde não costumam ter duração superior a um ano por um simples motivo: o marketing (especialmente o digital) está em plena evolução. Novas estratégias, ferramentas e mídias eletrônicas surgem com certa frequência, e, em muitos casos, precisam ser estudadas para que passem a fazer parte das novas ações. 

Outro fator importante: o marketing digital é empírico, ou seja, ele nunca deixará de ter um caráter levemente experimental rodeado pela famosa “tentativa e erro”. Isso não é um demérito, na verdade, é algo natural deste universo. 

Portanto, é bom saber que o plano de marketing não precisa necessariamente ser rígido. Ele pode ser modificado conforme o decorrer do plano, evitando grandes deslizes e otimizando os resultados. 

5 passos para a criação do plano de marketing de saúde

Agora que já abordamos qual o objetivo do plano de marketing e quais as suas particularidades mais importantes, chegou a hora de listar alguns procedimentos fundamentais que contribuem para o planejamento.

1. Definição de objetivo

Lembra dos trabalhos da faculdade e dos estudos acadêmicos? Nada é executado  sem um objetivo definido, certo? Com o marketing é a mesma coisa. Não se faz bem feito apenas especulando quais serão os resultados colhidos, o importante é definir quais meios serão utilizados para chegar ao fim desejado. 

Diante dessa necessidade de meta, fica claro que o primeiro passo é definir  a expectativa e a necessidade da empresa ao apostar no marketing. O planejamento deve ter uma finalidade maior. Contudo, não é necessário apostar apenas em uma meta. Por exemplo, focar apenas em branding e deixar de lado a retenção e a prospecção de novos clientes.

Se a empresa possui mais de um objetivo com seu plano de marketing, tudo bem, não há problemas. Desde que a equipe se coordene para elencar as principais metas e consiga construir as ações de forma a obter sucesso em todas as frentes estipuladas pelo plano

Cuidar de
Marketing Digital, Experiência do Paciente, Geração de Demanda
sem perder o foco médico?

Sabemos os desafios em manter todas as áreas da sua clínica eficientes sem prejudicar sua carreira assistencial . Nossos materiais educativos tornam o processo mais eficiente e menos doloroso.

2. Análise do público e definição do perfil dos pacientes

Atenção: essa é uma etapa importantíssima e que ganha muito mais veracidade e confiabilidade quando é feita com base em dados. Quando a empresa utiliza dados contidos em seu sistema de atendimento ou CRM, é possível fazer um perfil bem condizente com a realidade, criando uma persona que realmente representa a maioria dos seus pacientes. 

O conceito de persona faz parte da estruturação do plano de marketing. Trata-se da concepção de um “cliente ideal”, ou seja, um perfil que representa a maioria dos pacientes. Para estabelecer a persona com precisão, o ideal é usar dados demográficos, tais como idade, sexo, renda familiar e endereço. 

E qual a importância de criar um perfil? A resposta é simples: para evitar que sejam realizadas ações ou utilizados recursos ou linguagens que não são familiares às pessoas que realmente se interessam pela clínica e seus serviços.

3. Análise de concorrência

Benchmarking é tudo nos dias de hoje. Não existe nenhum segmento de atividade comercial que está livre de processos de análise de concorrência. 

Em todos os mercados, avaliar como atuam seus principais concorrentes é fundamental para analisar quais são os pontos positivos e negativos da atuação deles, servindo como um aprendizado para tornar o plano e as ações ainda mais assertivas. 

4. Definição das ações

Com base nas informações sobre seu público-alvo e seus principais concorrentes, será possível criar ações mais concretas e de resultado. Veja que a determinação do que será executado pelo marketing é o quarto procedimento. 

Isso demonstra que, antes de sair criando e executando ações e mais ações, é preciso utilizar a inteligência de mercado para conseguir sucesso.

5. Análise de resultados

Os especialistas em marketing sempre dizem “resultados são analisados diariamente”. Mesmo que seu plano de marketing de saúde tenha duração de um ano, não se deve deixar a análise do sucesso apenas para o final. 

Fazer isso retira da equipe de marketing (e da própria gestão) o poder de correção de rota,  que é fundamental para evitar desperdício de tempo e dinheiro com estratégias que não estão surtindo o efeito desejado.

O momento analítico é muito importante. Ele fortalece o planejamento e possibilita que todo o trabalho seja feito em cima de métricas e análise de desempenho.

—-

O plano de marketing se prova mais do que um roteiro. Ele é um manual prático de como as ações de comunicação, atendimento e publicidade precisam ser construídas e executadas para atingir os objetivos pretendidos por uma empresa.

A sua construção e execução demanda expertise, por isso, sempre tenha como uma possibilidade viável a contratação de uma agência especializada

As melhores agências possuem um time preparado para atender às demandas da sua empresa, atuando desde o princípio da criação do planejamento até o final das atividades propostas.

Não pare de aprender:

Pedro Barbieri | CEO da Future e Sócio da Clínica Alira

Apaixonado por gente, economista pela Unicamp e eterno aprendiz. Acredito que toda pessoa e empresa tem uma história incrível para contar ao mundo.

Artigos Recentes

Fale Conosco

Av. Angélica 2491 14º Andar

São Paulo - SP

(11) 93311-8358

[email protected]

Assine Nossa Newsletter